O lado bom de abandonar um projeto

Um podcast publicado pelo site Freakonomics (em inglês) há alguns anos explica de forma interessante e bem humorada o lado bom de largar, desistir de algo, de pedir demissão, ou de abandonar um projeto.

Existe a crença de que um vencedor nunca desiste, e quem desiste nunca vence. Mas este programa pergunta se é isso mesmo. Algumas vezes abandonar pode ser uma boa estratégia, e em alguns casos pode ser o melhor plano.  E para entender as desistências, eles analisam dois conceitos econômicos fundamentais neste episódio: os custos aplicados e os custos de oportunidade.

Os custos aplicados (ou enterrados, ou afundados) são o tempo passado, o esforço aplicado, e o dinheiro investido no que você está fazendo. Onde você chegou com este esforço, tempo e dinheiro?

O custo de oportunidade é o oposto. Qual será o custo aplicado neste projeto, contando a partir de agora?  Cada hora de suor, cada minuto e cada centavo investido num projeto te impedem de trabalhar em outro projeto. Se estes recursos forem aplicados em outra coisa, quais seriam os benefícios futuros deste investimento, se comparados com o projeto atual? Será que o que está fazendo é uma causa perdida? O que você quer?

Tempo e esforço não são recursos com estoque infinitos. Cada hora, cada esforço que você gasta em alguma coisa, você não pode aplicar em outra coisa. Portanto é preciso aplicá-los no que gostamos, e no que trará benefícios.

E se você descobrir que fez a escolha errada, mesmo que tenha enterrado muito dinheiro nela? A dica é tomar a decisão rapidamente. Você está feliz onde está, trabalhando com o que está, no momento? Se não, abandone rapidamente.

Talvez chegue um momento em que você perceba que não está dando certo, e o medo de jogar tudo pro alto seja menor que o medo de continuar insistindo naquilo que não gosta ou não tem futuro.

A dica vale para empreendedores (ou mesmo para alguém investindo em um relacionamento): fracassar rapidamente. Se um projeto não vai pra frente, abandone tudo e comece outro. Só assim você vai poder disponibilizar tempo e esforço num novo projeto, com mais chance de sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *